Cidadania · Todos · Voto

Dia Crucial Para o Brasil – Por Roberto Costa de Oliveira

DiaCrucialParaOBrasil

Carta escrita para os 1.500 colaboradores da EXAL, pelo amigo presidente Roberto Costa de Oliveira – Reproduzida com autorização:

“Dia crucial para o Brasil”

Caros Colegas:

Domingo é um dia crucial para o Brasil. Nele vamos exercer o poder máximo de cidadãos, que é o voto. Estou lhe escrevendo para que você o faça da maneira mais consciente possível – com informações, ouvindo opiniões de gente balizada.

A nossa empresa é politicamente isenta, como diz nosso Código de Ética, ponto 7: “Não adotamos cor político-partidária ou religiosa.”
Dentro desta isenção, gostaria de chamar a atenção para a realidade que nos cerca, de forma a lhe fornecer um bom pano de fundo para escolha do seu candidato, principalmente para o cargo máximo da nação:
Estamos perdendo de 7 a 1 na economia: enquanto a inflação se aproxima de 7%, o crescimento não vai chegar a 1% neste ano. O país está em recessão e o número de empregos parou de crescer e começou a cair.

Múltiplos escândalos graves chocaram os cidadãos de bem do país: Mensalão do PT, corrupção em Ministérios e Autarquias, corrupção e desmandos na Petrobrás, etc. As autoridades responsáveis disseram, como de praxe, que nada sabiam de nada.

O superavit primário (economia para pagar juros da dívida pública) que era da ordem de 3,5% do PIB, neste ano deve se aproximar de zero. O governo está gastando muito mais do que pode. Conseqüentemente, a dívida pública está aumentando.

A reputação do país no mercado internacional está em franca deterioração. A “contabilidade criativa” praticada corroeu a credibilidade nos nossos números. Nossa política exterior não nos credencia a ocupar um lugar proporcional à sétima economia do mundo que somos. Os nossos mandatários assumiram posições diplomáticas altamente questionáveis não só na ONU mas também em outros foros internacionais.

O setor industrial caiu de 24% do PIB há duas décadas atrás para aproximadamente a metade agora. Perdemos competitividade internacional em vários segmentos.

O Brasil vinha tendo superavit na balança comercial no comércio exterior, mas ultimamente isto se deteriorou e se transformou em déficit. Uma das conseqüências foi a disparada do dólar e considerável enfraquecimento da nossa moeda.

Temos problemas sérios e recorrentes no sistema de público de saúde (SUS) do país – tanto no atendimento dos cidadãos que necessitam como na remuneração adequada a hospitais públicos e filantrópicos.

Os índices de criminalidade continuam a subir no país todo. A impunidade é quase a norma, e não a exceção.

Nossa educação não tem evoluído no ritmo que deveria: caímos em índices de desempenho comparado com os de outros países (relatórios da OECD).

Precisamos reforma política, reforma tributária, reforma trabalhista, reforma previdenciária, reforma fiscal e reforma judiciária. Nos últimos governos, nenhuma destas reformas foi sequer iniciada. 
Alguns outros itens não mencionados nos 10 pontos acima – mobilidade urbana, desmatamento de florestas, mudanças climáticas, defesa civil no caso de calamidades públicas, tratamento de resíduos, saneamento básico, infra-estrutura viária, infra-estrutura aeroportuária, infra-estrutura portuária, etc, também deixam muito a desejar em todos os rincões da pátria.

Em resumo, estamos em um momento crítico em quase todas as esferas. A escolha daqueles que vão conduzir a nação, especialmente o(a) Presidente, Senadores e Deputados Federais e Estaduais, é crucial para o nosso futuro. Sugiro que pensem muito, discutam com outros, orem, e exerçam o direito de escolher com a máxima consciência possível.

Um abraço,

Roberto Costa de Oliveira

Diretor Presidente

DiaCrucialParaOBrasil

Anúncios

Um comentário em “Dia Crucial Para o Brasil – Por Roberto Costa de Oliveira

  1. ok, só não entendo porque você diz que sua empresa e vodcê são isentos

    assuma que está fazendo campanha para o aecio, que é neoliberal, de preferencia, não põe Deus na jogada que ele não lhe deu procuração para isso, mas mesmo se achar que Deus mandou, fala, mas não diz que é isento. Afinal , a empresa é sua

    De minha parte, voto no PT que vem incluindo muitos pobres no mercado; que ampliou o número de vagas nas escolas públicas; que está fazendo avanços interessantes na área de ciência e tecnologia. Sem satanizar o outro e sem disfarces

    abração

    MARION

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s